Cisvale terá orçamento de R$ 8 milhões em 2018

Publicação do gaz.com.br de 13 de Dezembro de 2017.

O orçamento do Consórcio Intermunicipal de Serviços do Vale do Rio Pardo (Cisvale) para o ano que vem foi aprovado em R$ 8 milhões durante assembleia na última sexta-feira, por unanimidade. O valor é mais baixo do que o deste ano, que teve receita de R$ 9 milhões, por conta da conclusão do prédio do Centro Regional de Especialidades Médicas (Crem), cuja finalização está prevista para o primeiro semestre de 2018.

“Como a obra está perto do fim, os repasses que vinham sendo destinados para o prédio diminuem, mas o valor fixo do orçamento aumentou justamente para cobrir os custos da nova sede”, comentou o presidente do Cisvale e prefeito de Venâncio Aires, Giovane Wickert. Para o próximo período, o valor fixo por habitante passa de R$ 0,15 para R$ 0,20. “No prédio atual não pagamos água, luz e segurança, despesas que são subsidiadas pela Prefeitura de Santa Cruz e ficarão por conta do consórcio a partir de 2018”, detalhou. Além da conclusão do Crem, a compra coletiva de medicamentos para os municípios, que já está com edital aberto, se destaca entre os investimentos para o próximo ano.

O objetivo, conforme Wickert, é possibilitar que municípios menores adquiram os remédios da lista básica do SUS, a Rename, nas mesmas condições de preço que as cidades maiores obtêm. “O Cisvale vai definir, via licitação, a empresa que oferece o melhor preço e, a partir disso, as prefeituras poderão usar o registro do consórcio para adquirir seus medicamentos.”

Os recursos para compra dos remédios serão negociados diretamente entre empresa e prefeituras, sem intermédio do Cisvale. Ainda no ano que vem, segundo Wickert, outros itens passarão a ser adquiridos pelo mesmo processo, como peças de máquinas, pneus, materiais escolares e de papelaria. Na próxima terça-feira, o Cisvale voltará a se reunir em assembleia para apresentar um levantamento dos serviços prestados durante o ano e eleger o presidente para o exercício de 2018.

Números

R$ 9.047.280,52 foi o orçamento do consórcio em 2017

135 mil procedimentos foram realizados até esta terça

No ano passado, o orçamento foi de R$ 8.183.323,80

153.645 procedimentos foram executados.

Os principais serviços contemplados pelo Cisvale incluem: consultas de especialidades médicas, serviços de odontologia bucomaxilofacial, serviços de imagem e diagnóstico, fisioterapia, fonoaudiologia,  procedimentos médicos, pareceres ambientais, compra regionalizada de medicamentos e Unidade de Inspeção Sanitária de Origem Animal.

Centro de Especialidades

O novo Centro Regional de Especialidades Médicas (Crem), que está em construção na Rua Ernesto Alves, deve ficar pronto no primeiro semestre do ano que vem. A previsão inicial, para 1o de julho deste ano, teve que ser adiada após atrasos nos repasses do governo federal. Entre 22 de setembro e 4 de outubro, a obra ficou totalmente parada. Nesta terça-feira, as prefeituras de Santa Cruz e Venâncio Aires apresentaram o projeto do estacionamento do Crem, que será construído no terreno de 15×50 metros ao lado da nova sede. Nas próximas semanas, haverá a licitação para a execução da obra.

Conforme a diretora executiva do Cisvale, Léa Vargas, 70% do projeto já foi executado, restando os acabamentos internos e externos (aberturas, tomadas, pintura). Dez pessoas seguem trabalhando. “Como o prédio e o estacionamento serão inaugurados juntos, então ainda não temos uma data para a conclusão”, disse. Uma emenda parlamentar de R$ 203.904,00, do deputado Heitor Schuch, será usada para adquirir parte dos novos equipamentos do Crem. Já o termo de referência para o processo licitatório de aquisição dos equipamentos  médico-hospitalares, eletrônicos e mobiliário já foi elaborado.

Posts Recentes